Rape Culture

“Acultura do estupro” foi uma materia vehiculada na Traços com o objetivo de chamar  a atenção para o machismo que parece ser um selo da cultura nacional. A Traços é uma revista com conteúdos exclusivos sobre arte, música, e pessoas. Mas ela é também um instrumento de reinserção social para pessoas em situação de rua que são responsáveis por comercializar a Traços. O preço de capa é 5 reais: 4 reais vão direto para o bolso do vendedor. Com o 1 real restante ele compra um novo exemplar e, assim, dá início a um ciclo de geração de renda e cidadania.

customer

Illustration / Editorial / Magazine